Menu

Pai Caetano de Oxossi

Pai Caetano de Oxossi iniciou na Umbanda em 1986, tendo passado alguns anos na década de 1990 no espiritismo. Foi feito Babalorixá em 2005, ocasião em que se tornou dirigente do Terreiro de Umbanda Luz, Amor e Paz – TULAP – Cabana do Pai Tobias de Guiné, localizado em Curitiba/PR e também em Londrina/PR. É dirigente da União dos Terreiros de Umbanda Caboclo Mata Virgem, congregação de casas que foram fundadas pelo Caboclo Mata Virgem, entidade chefe da coroa de Pai Caetano. 
Sempre se denomina um servidor dos Orixás e um eterno aprendiz.

Obras do autor:

ecosCAPA.jpg
 

Daisy Mutti

Desde muito cedo, sentia um vazio existencial que a vida profana não supria e muitas interrogações dominavam seu espírito. Em contrapartida, o lado espiritual da vida colocou-a, de uma maneira simples e natural, em caminhos onde iria cruzar com pessoas que a ajudaram a encontrar as respostas para suas inquietudes.

Conhecer a Umbanda, os Orixás e os falangeiros, com seus cheiros, sons e toda magia, não se consegue apenas através da leitura, é necessário a vivência, o pé no chão, o contato fluídico das entidades. Então, a vida amorosamente conduziu-a,

de tal forma, a vivenciar a Umbanda.

Obras do autor:

 

Lizete Chaves

Eterna buscadora. Eterna aprendiz. De uma curiosidade ímpar que faz com que procure respostas para as inquietações que surgem em sua caminhada como espírito, vivenciando um mergulho no mundo das formas, buscando encontrar explicações coerentes e satisfatórias para as inter-relações entre os dois mundos espiritual-Orun e material-Ayê.

Tudo se resume a uma intensa e longa caminhada

direcionada a estudar, praticar, registrar de uma forma coerente os ensinamentos a nós repassados, para que as futuras gerações tenham onde buscar respostas para seus anseios.

Obras do autor:

 

Norberto Peixoto

É de família originária da religião de Umbanda. Seu pai, um militar, acabou sendo transferido para o Rio de Janeiro, onde o autor viveu até o final de sua adolescência. Aos sete anos, já vivia experiências mediúnicas e teve a oportunidade de ser iniciado na Umbanda, culminando com o amaci (batismo) através de rito específico dessa religião, ocorrido na cachoeira de Itacuruçá. Estudioso das questões transcendentais, concluiu escola de médiuns na Doutrina Espírita, e é também maçom e teosofista. Atualmente, é o médium-sacerdote dirigente do Grupo de Umbanda Triângulo da Fraternidade, localizado em Porto Alegre/RS, fundado em 24 de junho de 1992, com uma proposta de espiritualismo universalista crístico, eclético e convergente. 

Obras do autor:

capa elucidações site.png
capa site.png
 

Paulo Roberto Santos da Silva

Conhecido como Pai Paulo de Xangô, nasceu em 1969, na cidade de Dois Irmãos/ RS, residindo, atualmente, em Porto Alegre/RS.  Pai Paulo teve sua primeira experiência religiosa ainda pequeno, quando levado a conhecer as práticas religiosas da Umbanda. Nos idos de 1989, foi iniciado no culto de Nação. Nesta época, iniciou o estudo dos búzios, ferramenta que o autoriza a mapear as necessidades espirituais dos consulentes, dando a estes as orientações necessárias. Dirige o Centro Afro Brasileiro Reino de Xangô, (C.A.B. Reino de Xangô), localizado em Porto Alegre, voltado ao culto de Nação e outras linhas religiosas, como Umbanda e Quimbanda. Para compartilhar seu conhecimento com os filhos e amigos da casa, Pai Paulo abriu um espaço, que acontece antes das sessões das terças-feiras, para transmitir os fundamentos da religião. O fruto destas palestras deu origem a este livro, cujo objetivo é ensinar, de forma simples e didática, como se desenvolve o ritual de Batuque (culto de Nação), buscando despertar no leitor o interesse pela religião 
afro-brasileira, pela exposição de suas riquezas espirituais, linguísticas e litúrgicas.

Obras do autor:

 

Tata Lobo

Tata Lobo, Bacharel em Administração com extensões de língua inglesa no Canadá e Irlanda, é Presidente do Centro Teológico de Umbanda Luz Divina, dirigente Sacerdote dos Centros de  Rio Grande e Morro Redondo, professor e fundador do portal educacional Umbanda Sem Fronteiras, magnetizador, projetor, coordenador de grupo de apometria na Umbanda e escritor pela editora BesouroBox, Legião Publicações. Tendo sua mediunidade de incorporação manifestada em 2001 aos 12 anos de idade, passou a estudar formalmente o fenômeno mediúnico e o espiritismo como aluno e assistente em 2003, 2004 e primeira metade de 2005, através de Centro Espírita em método didático e sistematizado pela Federação Espírita do Brasil. Retomou as atividades espirituais em 2009, desta vez como iniciante na Religião de Umbanda na função de cambono, sem receber instruções ou estudo, porém em contrapartida com uma maravilhosa amplidão de trabalhos de amparo em exemplos de engajamento da dirigência física e extrafísica da recém criada instituição de forte influência kardecista, que contava com corrente de 4 pessoas e atualmente atende centenas por semana. Em 08 de Julho de 2010 iniciou os trabalhos como médium do referido Centro, incorporando Cacique Pena Verde, em 08 de Julho de 2010, e Pai Benedito de Aruanda pela primeira vez em 15 de Julho de 2010, onde já iniciou a transmissão pessoal e íntima de instruções valiosas no íntimo da introspecção mediúnica proporcionada pelo transe de incorporação umbandista.
Iniciou as atividades de estudo e prática Teológicas em 21 de Setembro de 2013 sob os auspícios de Pai Benedito de Aruanda e Exú Caveira, fundando o Centro Teológico de Umbanda Luz Divina em sua casa na cidade de Pelotas em 29 de março de 2014, o transferindo para o recém adquirido Centro campestre em Morro Redondo a pedido dos mentores em 09 de Setembro de 2014. Inaugurou o C.T.U Luz Divina da cidade de Rio Grande no dia 16 de Março de 2016 e participou da inauguração do grupo de estudos da cidade de Pelotas no dia 16 de Maio de 2016, que pouco tempo depois em 24 de Outubro de 2016, formou-se o primeiro Centro padrão filiado ao Luz Divina e o terceiro Centro a aplicar de forma integral tal Teologia, logo após o Centro Espírita de Umbanda Sete Corações em Povo Novo/RS.

Obras do autor:

WhatsApp Image 2019-06-22 at 10.57.13.jp

Sandro da Costa Mattos

Paulistano, nascido em 9 de maio de 1974. É graduado em Ciências Biológicas e pós-graduado com MBA em Administração de Finanças e Banking e Especialização em Terapia Financeira. Umbandista de berço, ocupa a função de Ogã Alabê e diretor administrativo na APEU (Associação de Pesquisas Espirituais Ubatuba). Seus mais de 35 anos de atividade e estudos lhe dão base para ministrar os cursos Cânticos de Umbanda e “Formação Básica de Ogãs e Atabaqueiros, além de palestras e workshops. Escreveu O livro básico dos Ogãs (Ícone Editora, 2005) e fundou a web rádio Raízes de Umbanda, atualmente a mais antiga em atividade na cidade de São Paulo. Com a Curimba da APEU participou de festivais de música de terreiro no eixo Rio-SP, sagrando-se campeão com as cantigas: Adorei as Almas e saudação ao Caboclo Boiadeiro da Jurema e seus falangeiros. Além de participar de programas de TV, rádio e documentários, vários de seus artigos foram publicados em mídias nacionais e internacionais. 

Obras do autor:

capa site.jpg

Edições BesouroBox LTDA.

Rua Brito Peixoto, 224 - Passo D'Areia - CEP: 91030-400 - Porto Alegre/RS

Fone: (51)3337.5620

  • Facebook
  • YouTube
  • instagram

Nossas redes sociais